“Lembre-se de que o mal não merece comentário em tempo algum.”

Vencer não é competir com os outros, é derrotar seus inimigos interiores, pois muitas vezes o seu maior inimigo é o seu próprio ego, ou seus pensamentos e maus desejos.

Quando olhamos uma pessoa, só temos a informação visual e nada mais,pode ela ser bonita, bem sucedida, feliz ou totalmente às avessas. Com problemas que só mesmo ela sabe que tem, pode ter boa ou má índole, caráter. Como podemos avaliar alguém? O que é certo?Quem disse que nosso ponto de vista é a verdade absoluta?

Por isto, antes de julgar ou maldizer alguém, tente se colocar em seu lugar, ainda vos digo, mesmo assim será pouco para avaliar ou julgar.

Se ouvir alguém maldizer de outrem, procure confortar quem diz e saber os dois lados para poder auxiliar no bem, sem julgar. Se está certo ou errado nosso dever é propagar o bem e o amor sempre! Minimizando a discórdia, o ódio e sentimentos pobres que não agregam amor.

A vida é muito valiosa, temos muito para corrigir em nossa curta jornada terrena. Sejamos ou pelo menos imaginemos ser o lírio dentro do lodo, para que nossas atitudes sejam exemplo propagando o bem e o amor.

Olhe para as pessoas como se fossem um dos seus, ajude mais, ame mais, queira o bem, conforte mais. Viva seus dias com mais intensidade, pode não ter o amanhã, não temos tempo a perder!

Lembre-se de que o privilégio de ser está nas mãos de quem dá!
Pouco disse sobre o mal, como se sabe, para que gastar tempo com o que não nos agrega felicidade e amor.

CJN

Deixe uma resposta

Busca Rápida