Textos Edificantes

Maria de Magdala

Maria de Magdala

Falar de Maria de Magdala. O que significa? Qual a sua importância em nossas vidas? Maria nos inspira e nos incita à reforma espiritual, pois no primeiro momento que encontrou Jesus, ainda não estava preparada para entendê-lo, mas seu coração já se mostrava há muito cansado da vida de ilusões em que estava submersa. No momento do reencontro com o Mestre, arrepende-se de sua vida de enganos e rende-se ao amor pleno, espiritual. A partir daquele momento, modifica-se internamente, muda radicalmente seu modo de viver. Quantos encontros temos com o Cristo? Quantas vezes somos a ele apresentados mas não...

Read more »

“Prece Árabe”

“Prece Árabe”

“Deus, não consinta que eu seja o carrasco que sangra as ovelhas, nem uma ovelha nas mãos dos algozes. Ajuda-me a dizer sempre a verdade na presença dos fortes, e jamais dizer mentiras para ganhar os aplausos dos fracos. Meu Deus! Se me deres a fortuna, não me tires a felicidade; se me deres a força, não me tires a sensatez; se me for dado prosperar, permita que eu não perca a modéstia, conservando apenas o orgulho da dignidade. Ajuda-me a apreciar o outro lado das coisas, para não enxergar a traição dos adversários, nem acusá-los com maior severidade...

Read more »

DIANTE DA JUSTIÇA

“…Se a vossa justiça não exceder a dos escribas e fariseus, de modo nenhum entrareis no reino dos céus.” – Jesus. (MATEUS, 5:20.) Escribas e fariseus assumiam atitudes na pauta da Lei Antiga. Olho por olho, dente por dente. Atacados, devolviam insulto. Perseguidos, revidavam, cruéis. Com Jesus, porém, a justiça fez-se a virtude de conferir a cada qual o que lhe compete, segundo a melhor consciência. Ele mesmo começou por aplicá-la a si próprio. Enredado nas trevas pela imprudência de Judas, não endossa condenação ou desforço. Abençoa-o e segue adiante, na certeza de que o amigo inconstante já carregava,...

Read more »

Mensagem de Eurípedes Barsanulfo

Mensagem de Eurípedes Barsanulfo

“Irmãos queridos: Diante dessa crise que se abate sobre o nosso povo, face a essa onda de pessimismo que toma conta dos brasileiros, frente aos embates que o país atravessa, nós, os seus companheiros, trazemos na noite de hoje a nossa mensagem de fé, de coragem e de estímulo. Estamos irradiando-a para todas as reuniões mediúnicas que estão sendo realizadas neste instante, de norte a sul do Brasil. Durante vários dias estaremos repetindo a nossa palavra, a fim de que maior número de médiuns possa captá-la. Cada um destes que sintonizar nesta faixa vibratória dará a sua interpretação, de...

Read more »

Erre Auxiliando

Erre Auxiliando

Auxilie a todos para o bem. Auxilie sem condições. Ainda mesmo por despeito, auxilie sem descansar, na certeza de que, assim, muitas vezes, poderá você conquistar a cooperação dos próprios adversários. Ainda mesmo por inveja, auxilie infatigavelmente, porque, desse modo, acabará você assimilando as qualidades nobres daqueles que respiram em Plano Superior. Ainda mesmo por desfastio, auxilie espontaneamente aos que lhe cruzam a estrada, porque, dessa forma, livrar-se-á você dos pesadelos da hora inútil, surpreendendo, por fim, a bênção do trabalho e o templo da alegria. Ainda mesmo por ostentação, auxilie a quem passa sob o jugo da necessidade...

Read more »

Caridade

Caridade é, sobretudo, amizade. Para o faminto – é o prato de sopa. Para o triste – é a palavra consoladora. Para o mau – é a paciência com que nos compete auxiliá-lo Para o desesperado – é o auxílio do coração. Para o ignorante – é o ensino despretensioso. Para o ingrato – é o esquecimento. Para o enfermo – é a visita pessoal. Para o estudante – é o concurso no aprendizado. Para a crianca – é a proteção construtiva. Para o velho – é o braço irmão. Para o inimigo – é o silêncio. Para o...

Read more »

Reflitamos

Reflitamos

“Perdoai-vos a vós mesmos como o Senhor vos perdoa. Sede generosos com vosso pequenino ser que reclama paciência para evoluir. Não vos tortureis usando para convosco uma intransigência imperdoável. Não devemos dar vasão ao orgulho numa contenção excessiva de nossa natureza. O Senhor é generoso, por que não usaremos nós as mesmas medidas? A paciência na correção dos próprios males revela um grau superior de humildade, que reconhece as limitações do próprio espírito, perdoa-o e prossegue na tarefa de educação espiritual com amor, benevolência e tolerância para consigo mesmo.” Ramatis Evangelho, Psicologia e Ioga

Read more »

A Regra Áurea

Cristianismo …”Tudo quanto queres que os outros façam para ti faze-o também para eles…” Confucionismo “Não faças aos outros aquilo que não queres que eles te façam.” Budismo “De cinco maneiras um verdadeiro líder deve tratar seus amigos e dependentes: com generosidade, cortesia, benevolência, dando o que deles espera receber e sendo tão fiel quanto à sua própria palavra.” Hinduísmo “Não faças aos outros aquilo que, se a ti fosse feito, causar-te-ia dor.” Islamismo “Ninguém pode ser um crente até que ame o seu irmão como a si mesmo.” Sikhismo “Julga aos outros como a ti mesmo julgas. Então...

Read more »

Regras de Conduta dos Aprendizes do Evangelho

Regras de Conduta dos Aprendizes do Evangelho

a)      Assiduidade rigorosa aos trabalhos escolares b)      Despreocupar-se de opiniões, atitudes e interferências de terceiros; de preconceitos religiosos e sociais, que interfiram para desviá-lo do intento visado; c)       Reagir a cansaços, desânimos e dificuldades de qualquer espécie, pois sabe poder contar com o auxílio dos benfeitores espirituais; d)      Ter sempre à vista o quadro pré-organizado de defeitos e vícios para regular sua repressão com prudência e equilíbrio; e)      Manter rigor progressivo nos esforços de melhoria, a começar no lar doméstico, onde agirá de forma compreensiva, tolerante, bondosa, controlando palavras, gestos e impulsos menos dignos, até que a conduta se...

Read more »

Granjeai Amigos

Granjeai Amigos

“Também vos digo: granjeai amigos com as riquezas da injustiça.” – Jesus. (Lucas, 16:9). Se o homem conseguisse, desde a experiência humana, devassar o pretérito profundo, chegaria mais rapidamente à conclusão de que todas as possibilidades que o felicitam, em conhecimento e saúde, provêm da Bondade Divina e de que a maioria dos recursos materiais, à disposição de seus caprichos, procedem da injustiça. Não nos cabe particularizar e, sim, deduzir que a concepções do direito humano se originaram da influência divina, porque, quanto a nós outros, somos compelidos a reconhecer nossa vagarosa evolução individual do egoísmo feroz para o...

Read more »

Busca Rápida